Fragmentos sobre ELA

ESTRANHAMENTE

#DOCINHOS, MEIAS E DEFENSIVA

Sinto o peso que os calafrios me trazem quando penso no amor como algo novo.

Logo eu, que prometi a mim mesma nunca mais entregar meu coração solitário nas mãos amputadas de alguém sem complacência com os sentimentos alheios. E olha eu aqui, escrevendo sobre a novidade que nos engasga toda vez que pigarreamos sobre os efeitos de outra pessoa em nós.

Ver o post original 947 mais palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s